Letras de Músicas | Carnaval 2014

Reprodução

Reprodução

Confira as letras das músicas de Carnaval, para você ler, cantar e compartilhar com todos seus amigos.

Letra da música – Mamãe Eu Quero (Marchinhas de Carnaval)

Mamãe eu quero, mamãe eu quero,
Mamãe eu quero mamar!
Dá a chupeta! Dá a chupeta! Dá a chupeta
Dá a chupeta pro bebê não chorar!

Dorme filhinho do meu coração!
Pega a mamadeira e entra no meu cordão.
Eu tenho uma irmã que se chama Ana:
De piscar o olho já ficou sem a pestana.

Eu olho as pequenas, mas daquele jeito
E tenho muita pena não ser criança de peito!…
Eu tenho uma irmã que é fenomenal:
Ela é da bossa e o marido é um boçal!

Letra da música – Carnaval de Ilusões (Marchinhas de Carnaval)

Ciranda cirandinha,
Vamos todos cirandar,
Vamos dar a meia volta,
Volta e meia vamos dar.

Fantasia,
Deusa dos sonhos esteja presente,
Nos devaneios de um inocente,
Ó soberana das fascinações,
Põe os seres do teu reino encantado,
Desfilando para o povo deslumbrado,
Num carnaval de ilusões.

Na doce pausa,
Dos folguedos infantis,
Repousam a bola,
E a bonequinha querida,
No turbilhão do carrossel,
Da alegre vida,
Morfeu embala a criança tão feliz,
Como num sonho encantador,
Viaja ao mundo da fabulação.

Terra da riqueza,
E do fulgor,
De tanta beleza,
E do esplendor.

Guiadas pela fada ilusão,
Se juntam lendárias figuras,
Personagens de leituras,
Revividos na memória,
Que ajusta ao imperfeito,
A perfeição dos conceitos,
De deleitosas histórias.

Neste clima extasiante,
O cortejo deslumbrante,
Tudo envolve ao despertar,
E ao mundo de verdade,
Sem saber a realidade,
Retorna o petiz a cantar.

Letra da música – Cabeleira do Zezé (João Roberto Kelly-Roberto Faissal, 1963)

Olha a cabeleira do zezé
Será que ele é
Será que ele é

Será que ele é bossa nova
Será que ele é maomé
Parece que é transviado
Mas isso eu não sei se ele é
Corta o cabelo dele!
Corta o cabelo dele!

Letra da música – Abre Alas (Chiquinha Gonzaga, 1899)

Ó abre alas que eu quero passar
Ó abre alas que eu quero passar
Eu sou da lira não posso negar
Eu sou da lira não posso negar

Ó abre alas que eu quero passar
Ó abre alas que eu quero passar
Rosa de ouro é que vai ganhar
Rosa de ouro é que vai ganhar

Letra da música – ALLAH-LA-Ô (Haroldo Lobo-Nássara, 1940)

Allah-lá-ô, ô ô ô ô ô ô
Mas que calor, ô ô ô ô ô ô
Atravessamos o deserto do Saara
O sol estava quente
Queimou a nossa cara
Viemos do Egito
E muitas vezes
Nós tivemos que rezar

Allah! allah! allah, meu bom allah!
Mande água pra ioiô
Mande água pra iaiá
Allah! meu bom allah

Letra da música – Me dá um dinheiro aí (Ivan Ferreira-Homero Ferreira-Glauco Ferreira, 1959)

Ei, você aí!
Me dá um dinheiro aí!
Me dá um dinheiro aí!
Não vai dar?
Não vai dar não?
Você vai ver a grande confusão
Que eu vou fazer bebendo até cair
Me dá me dá me dá, ô!
Me dá um dinheiro aí!

Letra da música – A Jardineira (Benedito Lacerda-Humberto Porto, 1938)

Ó jardineira porque estás tão triste
Mas o que foi que te aconteceu
Foi a camélia que caiu do galho
Deu dois suspiros e depois morreu

Vem jardineira vem meu amor
Não fiques triste que este mundo é todo seu
Tu és muito mais bonita
Que a camélia que morreu

Letra da música – Tomara Que Caia (Marchinhas de Carnaval)

Tomara que caia,
É o vestido que ela usa no verão,
Tomara que caia,
Que verdadeira sensação.

Tomara que caia,
É o vestido que ela usa no verão,
Tomara que caia,
Que verdadeira sensação.

Ela quando passa provoca,
Sem ela a orquestra não toca,
Já estou cansado de pedir,
Tomara que caia, – me parece, vai cair…
CAIU !!!!….

Letra da música – Cachaça Não É Água (Marchinhas de Carnaval)

Você pensa que cachaça é água?
Cachaça não é água não.
Cachaça vem do alambique
E água vem do ribeirão.

Pode me faltar tudo na vida:
Arroz, feijão e pão.
Pode me faltar manteiga
E tudo mais não faz falta não.

Pode me faltar o amor
(Disto até acho graça).
Só não quero que me falte
A danada da cachaça.

Letra da música – Acorda, Maria Bonita (Marchinhas de Carnaval)

Acorda Maria Bonita / Levanta vai fazer o café
Que o dia já vem raiando / E a polícia já está de pé
Se eu soubesse que chorando / Empato a tua viagem
Meus olhos eram dois rios / Que não te davam passagem
Cabelos pretos anelados / Olhos castanhos delicados
Quem não ama a cor morena / Morre cego e não vê nada

Letra da música – Maria Sapatão (Marchinhas de Carnaval)

Maria Sapatão,
Sapatão, Sapatão:
De dia é Maria;
De noite é João.

O sapatão está na moda:
O mundo aplaudiu!
É um barato, é um sucesso
Dentro e fora do Brasil.

Letra da música – A Canôa Virou (Marchinhas de Carnaval)

A canoa virou,
Deixa virar;
Por causa da menina,
Que não soube remar. (bis)

Menina, larga o remo,
Pula n’água marujada.
Pula n’água, pula n’água, pula n’água,
Pula n’água, pula n’água, pula n’água,
Que a canôa tá furada.

Letra do Hino do Carnaval Brasileiro (Marchinhas de Carnaval)

Salve a morena
A cor morena do Brasil fagueiro
Salve o pandeiro
Que desce do morro prá fazer a marcação
São, são, são
São quinhentas mil morenas
Loiras, cor de laranja, cem mil
Salve, salve
Teu carnaval, Brasil
Salve a loirinha
Dos olhos verdes cor das nossas matas
Salve a mulata
Cor de canela, nossa grande produção
São, são, são
São quinhentas mil morenas
Loiras, cor de laranja, cem mil
Salve, salve
Teu carnaval, Brasil

Sobre admin